A gama ConductiSense de medidores de condutividade online da Pi usa os melhores e mais recentes sensores disponíveis no mercado atual para medição da condutividade online de qualquer solução aquosa.

Os medidores de condutividade online são comuns nas estações de tratamento de água e indústrias de processos. O ConductiSense é um medidor de condutividade online estável, fiável e económico.

Os sensores e acessórios ConductiSense são disponibilizados com diversos controladores oferecendo a mesma performance elevada com diferentes opções de comunicação, display e controle. Com a gama ConductiSense de Medidores de Condutividade, você obtém tudo o que precisa – e nada que não lhe faça falta.

Medidor de Condutividade - Sondas de Grafite

Sondas de Grafite

O nosso leve sensor industrial de condutividade utiliza tecnologia de Grafite. A estrutura resistente do corpo em epóxi oferece um sensor robusto e fiável para água potável e limpa. Instale-os em linha, num encaixe de um tubo em forma de “T” ou os submerja num tanque. Em diversas aplicações, os sensores de condutividade de corpo em epóxi são os mais económicos e fiáveis, especialmente no controle de processos. A sua construção robusta tornam-nos sensores praticamente inquebráveis. São uma excelente escolha para usar como elétrodos standard de condutividade online na indústria de água ou outros setores relacionados.

Medidor de Condutividade - Sonda Toroidal

Sonda Toroidal

Os sensores toroidais de condutividade indutiva oferecem uma ampla gama de medição e uma tecnologia toroidal fiável no intervalo de 0-2,000,000 μS/cm. Resistentes à corrosão, revestimentos e incrustação comuns nos sensores de condutividade de contacto, esta sonda é desenhada para ter uma vida útil longa e sem problemas. Noryl é o material padrão de construção e tem uma ampla tolerância a solventes e estabilidade a uma temperatura até 105°C. Todos os modelos podem ser submersos usando no sensor as roscas NPT 3/4” ou instalando as ligações NPT 2” para uma implantação em linha. Um sensor de temperatura é incorporado no sensor de condutividade para uma compensação automática da temperatura.

  • Resistente ao revestimento, corrosão e incrustação
  • Construção durável em Noryl (plástico)
  • Fácil instalação
  • Baixo preço
  • T’s personalizados para montagem em linha

Sensor de Condutividade para Caldeiras

Uma vasta variedade de sensores de aço inoxidável estão também disponíveis para aplicações que envolvem altas temperaturas. Entre em contato conosco para obter mais informações.

Documento Tipo Tamanho
ConductiSense (EN) Folheto 583kB
Conductivity – Informações Gerais e Medições (EN) Artigo 693kB
CRONOS® (EN) Folheto 610kB
CRIUS® (EN) Folheto 605kB
Comunicações Remotas CRIUS® Folheto 573kB
Opções de Controle CRONOS® e CRIUS® (EN) Nota Técnica 534kB
Acesso Remoto GPRS (EN) Nota Técnica 481kB

A condutividade é a medida das espécies iónicas numa solução. É definida como condutância num determinado volume, sendo esta a capacidade de condução de corrente energética de uma solução.
A condutância é a capacidade de condução de corrente elétrica de uma solução, sendo que a condutividade é a condutância num dado volume (normalmente medido em μΩ/cm ou μS/cm).
A temperatura influencia as medições de condutividade mas todos os Sensores de Condutividade da Pi têm um sensor de temperatura integrado e oferecem compensação automática da temperatura.
Não, todas as substâncias possuem algumas propriedades condutivas. Geralmente, compostos orgânicos (como benzeno, álcool e produtos de petróleo) têm uma condutividade baixa, sendo que os metais têm uma condutividade muito elevada. A medição da condutividade em líquidos inflamáveis é bastante perigosa.
A constante de célula, K, equivale à área (a) correspondente ao fluxo atual em centímetros quadrados divididos pela distância em centímetros entre os elétrodos (d). Para soluções com baixa condutividade os elétrodos podem ser colocados mais juntos ou afastados para que a constante seja inferior a um. Isto tem o efeito de aumentar a condutância produzindo um valor mais facilmente medido pelos instrumentos eletrónicos. O oposto também se aplica, em soluções de elevada condutividade, os elétrodos são colocados mais distantes ou próximos. Constantes de célula diferentes são utilizados como multiplicadores de alcance. O valor padrão de K é 1 com um valor de K igual a 0.1 sendo utilizado para baixa condutividade da água e um valor de K de 10 para uma condutividade mais elevada.
Os sólidos dissolvidos numa solução (TDS) contribuem para a condutividade dessa solução. A maioria dos usuários usam um multiplicador padrão para converter a condutividade em TDS (habitualmente de 0.65). Este multiplicador funciona para soluções de NaCI. Diferentes soluções têm diferentes multiplicadores.
Fazer sua própria solução padrão garantirá os resultados mais exatos. Para fazê-lo, é necessário uma mistura de sais em proporções relativas que simulem a solução a ser testada. De seguida, esta solução deve ser dissolvida em água destilada. O processo deve ser feito de acordo com a seguinte fórmula:

1 mg de mistura de sais/litro de água destilada = 1 ppm TDS ou, por outras palavras, X ppm TDS = X mg de sais + 1 litro de água destilada.

Lembre-se que “X mg de sais” é o número de miligramas de uma mistura de sais cujas proporções simulam a sua solução de teste. Um valor apropriado de “X” é determinado pela seguinte regra:
Escolha um valor ppm para uma solução calibrada o mais próximo possível dos valores de ppm das soluções de teste. Se o conteúdo ppm de uma solução teste é expectável de variar bastante, é melhor escolher um valor de ppm para a solução calibrada que se encontre no 1/3 superior da gama de condutividade de TDS.

Não existe qualquer diferença. A utilização de microohms (µ℧/cm) é mais comum nos E.U.A., enquanto que microsiemens (μS/cm) é mais comum na Europa.
Higienize os elétrodos com um detergente suave e/ou dilua ácido nítrico (0.1 M), mergulhando o sensor na solução e agitando por 2 ou 3 minutos. Diluições de HCl (ácido hidroclorídrico) ou H2SO4 (ácido sulfúrico) também podem ser usadas.
Enxague com água da torneira quando deixar de o utilizar. Pode guardar o seu elétrodo molhado ou seco. Se for armazenado seco, irá ser necessário recondicioná-lo antes de voltar a usá-lo.
Coloque a sonda numa solução padrão ou água da torneira e ligue-a à corrente. Permita que a sonda absorva por 30 minutos a 1 hora se não for especificado o contrário para o instrumento em questão.
A sonda utilizada é a mesma para a condutividade e salinidade, mas é aplicado um fator de correção à leitura do medidor de salinidade. Esse fator de correção converte a leitura de condutividade para ppm de um sal específico. O sal de soluções padrão varia de fabricante para fabricante, sendo que alguns usam NaCl, enquanto outros utilizam CaCO3.
Geralmente, os instrumentos eletrónicos da Pi podem equiper-se com outros sensores. Contacte a Pi para saber mais.
Você pode calibrá-la usando uma solução padrão no intervalo das amostras que está testando. Coloque a sonda na solução padrão, acondicione-a, enxague-a numa segunda amostra de solução padrão, use uma terceira solução padrão para calibrar e depois ajuste o analisador até que o valor específico seja exibido. Recalibre quando se aperceba de mudanças, ou se as leituras parecem incorretas.
Os dois tipos de sensores de condutividade oferecidos pela Pi são os ‘Toroidal’ e ‘Grafite’. O sensor ‘Toroidal’ cobre os intervalos mais elevados desde 500 µS/cm2 a 2,000,000 µS/cm2, expressados normalmente como 0.5 mS/cm2 a 2000 mS/cm2.

O sensor ‘Grafite’ cobre os intervalos de 0-2000 µS/cm2 (0-2 mS/cm2). Nessa gama usamos diferentes constantes de alcance (fator-K) para tornar o sensor mais adequado a diferentes aplicações. Se está realizando medições na gama 0-100 µS/cm2 então precisará de um fator-K de 0.1. Se as medições são na gama 0-1000 µS/cm2, necessitará de um fator-K de 1.

Entre em contato conosco em...

E-mail: [email protected]

Tel: 021 98124 6266

"Entre em contato, terei todo
o gosto em ajudar você."

Sergio Ferreira

Líder da Equipe do Brasil

E-mail: [email protected]

Tel: 021 3445 8125

"Entre em contato, terei todo
o gosto em ajudar você."

Marcio Luiz

Vendas do Brasil

E-mail: [email protected]

Tel: 019 99713 0044

"Entre em contato, terei todo
o gosto em ajudar você."

Adario Almeida

Região de São Paolo

E-mail: [email protected]

Tel: +44 (0)7497 861662

"Entre em contato, terei todo
o gosto em ajudar você."

Julius Guth

Contato do Escritório do Reino Unido